Restos do Muro de Berlim – Onde encontrá-los

  • SumoMe

Em 9 de novembro de 1989 cai o muro de Berlim. Em um primeiro momento todos querem quebrá-lo, destruí-lo, removê-lo da cidade, afinal de contas é o muro da vergonha, é o muro que separou famílias, amigos, uma cidade, um país. Hoje em dia, entretanto, todos que visitam a cidade querem vê-lo. O muro de Berlim, que por 28 anos separou as pessoas, tornou-se uma atração turística.  É natural, afinal o muro de Berlim hoje é parte da história desta cidade, deste país.

Felizmente nem tudo foi removido da cidade. Dos seus quase 160 quilômentros,  alguns trechos foram mantidos no seu local original. Em sua última versão o muro de Berlim era composto por blocos pré-moldados. E hoje, inúmeros destes blocos do muro desmontado se encontram espalhados por diversos cantos da cidade (e até do país e do mundo).

Mas, onde você pode encontrar os restos do muro de Berlim? Bem, vamos à caça (rsrs) de trechos e fragmentos do muro de Berlim. Há três trechos remanescentes principais:

Resto do muro de Berlim na Topografia do Terror

Restos do Muro de Berlim - Topografia Terror

Restos do Muro de Berlim na Topografia Terror

No terreno onde se encontra a exposição Topografia do Terror encontra-se um trecho do muro de Berlim de cerca de 200 metros de comprimento. Este é o trecho que  se encontra mais central, mais próximo das áreas turísticas. Se encontra bem próximo da Potsdamer Platz e do Checkpoint Charlie.

Este trecho separava os bairros Mitte, em Berlim Oriental, de Kreuzberg, em Berlim Ocidental. Neste trecho do muro pode-se ver os efeitos da queda – ele é danificado, tem buracos , que é o resultado das pessoas o quebrarem com marretas e martelos, tenha sido para tirar um pedaço para guardar de lembrança ou por simples prazer de colocar o muro abaixo (como uma pessoa me contou uma vez ” que foi um prazer quebrar o muro pois ele era do lado oriental”).

 

Resto do muro de Berlim na East Side Gallery

Restos do Muro de Berlim - East Side Gallery

Restos do Muro de Berlim – East Side Gallery

A poucas estações da Alexanderplatz encontra-se a East Side Gallery. Este é o maior trecho remanescente do muro de Berlim – tem cerca de 1,3 km de extensão. Aqui o muro de Berlim passou a ser uma galeria de arte a céu aberto. Nos meses seguintes à sua queda artistas de diversos países pintam o muro, expressando sua visão do muro, da guerra fria, dos acontecimentos relacionados com este tema, com aquela época. Chama-se East Side Gallery pois os grafites foram pitados no lado do muro voltado para o oriente.

Um dos grafites mais famosos e onde geralmente se forma fila para fotografar é o “Beijo”. Esta pintura é baseada em foto de jornal e mostra Honecker e Breschnew se beijando. Em outubro de 1979, durante o encontro por conta das comemorações dos 30 anos de fundação da República Democrática Alemã (Alemanha Oriental),  os chefes de estado Erich Honecker (Alemanha Oriental) e Leonid Breschnew (União Soviética) se cumprimentam com o “beijo da irmandade socialista” –  forma cumprimento na época entre os chefes de estados dos países comunistas.

"Beijo da Irmandade Socialista"

Foto original do “Beijo da Irmandade Socialista” (Fonte: http://www.sueddeutsche.de)

 

Resto do muro de Berlim na Bernauer Straße

Restos do Muro de Berlim - Bernauer Straße

Restos do Muro de Berlim na Bernauer Straße

Bernauer Straße: de um lado da rua, prédios que faziam parte de Berlim Oriental, a calçada em frente aos prédios já fazendo parte de Berlim Ocidental. Destes prédios muitos moradores buscaram a fuga. Muitos foram bem sucedidos, mas ouve também casos fatais. Ao longo dos anos, muitas coisas foram acontecendo nesta rua, ela tem um grande significado na história do muro de Berlim.

Na Bernauer Straße encontra-se também um dos trechos remanescentes do muro de Berlim. É ali  onde foi feito o Memorial do Muro de Berlim. Além do memorial, esta rua é um grande museu à céu aberto. Em alguns quarteirões da rua, a história do muro de Berlim vai sendo documentada, assim como as coisas que foram acontecendo por ali. Para quem quiser conhecer melhor a história do muro de Berlim este é o melhor trecho.

 

Outros fragmentos do Muro de Berlim

Como mencionei acima, há muitos blocos espalhados pela cidade. Na Potsdamer Platz você encontra fragmentos do muro em dois pontos:

–  Entre o Sony Center e o hotel Ritz Carlton há alguns blocos do muro de Berlim, alinhados exatamente no lugar onde ele se encontrava.  Entre os blocos há painéis com fotos e algum texto que documentam o muro de Berlim. Alguns destes blocos se encontram cobertos de chiclete 🙁

Restos do Muro de Berlim - Potsdamer Platz

Restos do Muro de Berlim na Potsdamer Platz

– Na esquina da Potsdamer Platz com rua Grabriele-Tergit-Promenade, encontram-se mais três blocos do muro ao lado de uma construção em estilo oriental. Trata-se de uma construção coreana chamada de “Pavilhão da Unidade” e está aqui, juntamente com os restos do muro de Berlim no exato ponto por onde este passava para lembrar que assim como Berlim foi um dia dividida, a Coréia ainda se encontra dividida em duas e para expressar o desejo de uma reunificação do país, assim como aconteceu com Berlim/Alemanha.

Restos do Muro de Berlim -Pavilhão Coreano

O “Pavilhão da Unidade” e os restos do muro de Berlim

Na área da exposição BlackBox Kalter Krieg (Caixa-Preta da Guerra Fria) também se encontram dois blocos do muro de Berlim.

Restos do Muro de Berlim - Exposição BlackBox

Restos do Muro de Berlim na área da exposição BlackBox

Além dos mencionados acima, há muitos outros blocos espalhados pela cidade. Muitos destes blocos se encontram na frente de hotéis, de restaurantes, de lojas. Estes blocos do muro de Berlim são de propriedade destes estabelecimentos e em sua maioria não estão onde o muro de fato passava. Muitas vezes as pessoas passam por eles sem se dar conta que são restos do Muro de Berlim.

Só para mencionar alguns poucos estabelecimentos que tem este “pequeno souvenir”:
–  Dentro da Galeries Lafayette (próximo da saída para a Französische Straße) você encontra um bloco do muro
– Outro bloco pode ser visto na porta do restaurante Essenza
– Um bloco mais quebradinho pode ser visto na frente do hotel Westin Grand
– Dentro do prédio do ministério do meio ambiente tem alguns blocos grafitados. Este prédio se encontra nas imediações da Potsdamer Platz, na esquina da rua Stresemannstraße com Erna-Berger-Straße. Estes blocos podem ser vistos da rua, pois parte da fachada é de vidro
– Em frente ao Checkpoint Charlie Museu você também encontra bloco do muro

E por fim… Como o muro de Berlim não era somente um simples muro de concreto, mas um grande esquema de segurança com diversos obstáculos, entre eles, muitas torres de observação com guardas armados, é interessante também uma visita à torre “BT 6” – a última torre remascente do seu modelo. Esta torre se encontra em uma ruazinha sem saída na área da Potsdamer Platz.

Torre de observação do muro de Berlim

A última deste modelo de torre de observação do muro de Berlim

 

 

Comentários - Facebook

Deixe seu comentário

*